PAINEL MARABÁ PIONEIRA

Entre os dias 27 a 30 de julho, Bino Sousa, Carla Bianca, Bosco, Franart e Oiram estiveram no Mirante da Orla, um novo ponto de encontro da cidade, localizado no bairro Francisco Coelho, conhecido como Cabelo Seco. No local, marcado pelo encontro dos rios Tocantins e Araguaia, eles construíram uma obra de aproximadamente 150 m².

PAINEL MARABÁ PIONEIRA

Os artistas trouxeram o desejo de valorizar a cultura local e elementos cotidianos de suas histórias. No mural, o menino negro, que representa as constribuições da africanidade na formação social de Marabá, está cercado pela fauna e pela flora nativas. Os peixes carregados nas costas fazem referência à pesca, atividade tradicional da região e que remete também à profissão de alguns familiares dos artistas. A cerâmica marajoara vem homenagear os povos indígenas do Pará e, aos pés do menino, crianças se divertem com brincadeiras, que também marcaram a infância dos autores.

A criação, que foi coordenada pelo artista visual Fhero, reflete um processo coletivo em que a integração das ideias e o respeito às identidades artísticas e técnicas de cada artista eram pontos essenciais para a realização do trabalho.